sexta-feira, 2 de abril de 2010

Avareza a minha tristeza.................


Faz alguns dias ando observando e pensando o que me leva a uma certa melancolia de piedade e pena ( Piedade é divino - mas pena é complicado sentir).


O mundo esta cada vez mais populoso; as misérias são tantas que seria muito pouco descrever todas num blog; mas para mim por tudo que já estudei, vivenciei e presenciei e infelizmente continuo vendo a miséria maior é a da Alma; porque o miserável se acha rico; sábio; o maior mas ...

Como pode alguém ter um patrimônio avaliado em 4 milhões de reais; pensar em comprar coisas e coisas para si próprio, tirar uma vantagenzinha de algum necessitado. ver e ver ( muitas vezes) , que tem alguém seja da família ou amigos ( será que sabem o que é ter amigos?) necessitando de um rancho; de um remédio; da reforma da casa enfim coisas que são trocados para quem pode pagar 2 mil reais a vista por um eletrodoméstico .

Acreditem existem pessoas (espero que você que esta lendo não seja uma delas!) que desejam amam tanto o dinheiro o poder o brilho a ponto de não olhar para o lado elas são capazes de encher um carrinho de compras de supérfluos e a sua frente alguém pode estar a contar moedas para levar 1kg de músculo para alimentar uma família e esta pessoa não se abala ao contrário sente-se superior.

As pessoas avarentas não percebem que só atraem para si pessoas iguais.

Quando um avarento pobre chega perto de um avarento rico acontece o inevitável a inveja aparece e cressssssssce muito porque o pobre de provisões e de espírito vai querer a todo custo o que não lhe pertence.


Dividir o que temos, seja se estamos em condições abastada ou popular é uma benção eu penso que Deus aprova isto, durante minha vida fui muito pobre e muitas vezes dividi a minha alimentação com um colega que não tinha e nunca fiquei com fome. Durante um período trabalhei com pessoas que amavam sobre tudo o dinheiro , os carros, a vida brilhante aparentada nas vestes, cabelos, bolsas, sapatos e todas as outras futilidades que fossem possível; num certo episódio eu chorava de desespero por saber que colegas desmaiavam de fome por não receber o salário e só alimentavan-se com um pouco de leite e banana para trabalhar muito eu vi uma pessoa abanar-se com um cheque e dizer de forma cínica e sonsa " Hai! não sei o que fazer com este dinheiro"



Eu ainda não conheço nem um avarento que viva numa familia feliz ou que seja feliz de verdade, pois sua felicidade e tão falsa tão superficial quanto ao deuzinho que eles adoram $$$$$$$$$$$$$$$.



Por isto desafio você que esta lendo e percebe através destas poucas linhas que é avarento(a) a refletir sobre sua vida seus amigos , aos que estão a sua volta e se você for avarento e feliz deixe um comentário afirmando a sua condição de avareza e felicidade verdadeira ou seja sem o maldito dinheiro aonde estará aquele (aquela) que te ama? Onde estarão os teus amigos?



Familia feliz não quer dizer não ter problemas; não ter contas; não ter doenças.


Familia feliz, ter uma vida feliz - significa acordar no meio da noite olhar pro lado e saber que tem alguém ali que você pode contar; acordar sozinho no meio da noite e pensar há! que bom que tenho o meu amigo (a) fulano(a) que esta sempre ao meu lado. Que bom saber se hoje me faltar comida posso compartilhar da mesa de alguém, existem também muitos exemplos de felicidade genuína deitar e acordar em paz sabendo que temos pessoas que nos amam e uma delas.

A bíblia nos conta que um enviado do inferno levou Jesus para ser testado pelo demônio. Acordem! A missão dos demônios é testar os homens( mulheres) para saber a qualidade de que são feitos. é necessário que haja o desejo para que a tentação aconteça. No deserto o diabo começou o seu teste pelo desejo mais inocente, mais natural. Jesus estava com fome, depois de jejuar 40 dias. Queria comer. Com certeza estava tendo visões de pães. O Demônio sugere: “Um pequeno milagre vai resolver tudo. Você tem poder. É só falar e as pedras se transformarão em pães.



“Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que sai da boca de Deus ...”



Quem tem dinheiro tem todas as coisas. O dinheiro é o deus do mundo.

Avarenta é a pessoa que adora o dinheiro. os mais comuns avarentos são – o pão-duro, o unha-de-fome, o mesquinho... Esse avarento é um coitado. Ele é o maior prejudicado. Ele é ridículo. .



Avareza é uma qualidade espiritual que precisa ser trabalhada e eliminada da vida de um ser humano para que ele venha a ser feliz verdadeiramente.



“O avarento é uma pessoa cujos olhos passaram por uma transformação: eles só vêem coisas e pessoas através do dinheiro. Todos os seus sentidos estéticos e éticos foram destruídos. Beleza, ternura, amor, honestidade, justiça – essas coisas não entram na sua contabilidade.”



Marx era bom teólogo; ele conhecia o poder do deus dinheiro para operara milagres. Vejam os comentários que ele fez de textos de Goethe e Shakespeare. “Eu sou feio, mas posso comprar a mulher mais bonita para mim mesmo. Conseqüentemente eu não sou feio, porque o efeito da feiúra, o seu poder para repelir, é anulado pelo dinheiro. Como indivíduo sou um aleijado, mas o dinheiro me dá vinte e quatro pernas. Portanto eu não sou aleijado. Eu sou um homem detestável, sem honra, sem escrúpulos e estúpido, mas o dinheiro é objeto de admiração universal e portanto eu, que tenho dinheiro, sou admirado. Sou curto de inteligência, mas desde que o dinheiro é o espírito de todas as coisas, como poderia aquele que o possui não ser inteligente? Eu, que pelo poder do dinheiro, posso possuir tudo aquilo que o coração humano deseja, não sou possuidor também de todas as virtudes humanas.”Pense nas misérias do Brasil. Elas não foram produzidas pela ira, pela preguiça, pela inveja, pela gula, pela arrogância, pela luxúria. Esses demônios são fracos. Nossas misérias são produzidas pela avareza. As delícias da riqueza justificam qualquer tipo de corrupção. Pense nas tragédias do mundo, as guerras, os genocídios... Esses sofrimentos foram produzidos pelo uso de armas que foram pensadas por inteligências científicas e fabricadas com cabeças técnicas e vendidas por amor ao lucro.



Quem é movido pela avareza não sabe o que é o sofrimento dos outros. Perdeu a capacidade de compaixão. E com isso deixou de ser humano!




Obs: Para uma melhor explanação da minha tristeza e indignação usei recursos de um blog







http://bibliasemmitos-wagner.blogspot.com/ que fala sobre a avareza escrito por Rubens Alves,um belíssimo texto!








AJUDE-NOS COM ESSA CORRENTE CLIQUE NA IMAGEM E PEGUE O CÓDIGO

Um comentário:

  1. Oí Amiga,
    Obrigado pela tua visita.

    Sempre que eu puder estarei comentendo as postagens por aqui.

    Já estou te seguindo

    Um abraço
    Wagner

    ResponderExcluir

Este blogue é particular.
Obrigada por ter chegado até aqui.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...